Existe uma delicada relação entre estresse e infertilidade, quando sabemos que mulheres e homens que não estão sob tensão conseguem ter seus níveis hormonais adequados, para gerar um funcionamento positivo de seu organismo, facilitando assim o sucesso do tratamento de fertilização in vitro.

No entanto existem alguns pontos que devem ser considerados quando o assunto é a saúde emocional dos pacientes, e alguns deles apontam para :

– Sentimentos ambivalentes quanto à maternidade, ansiedade sobre a sexualidade; complexos mal resolvidos (relação com a mãe ou pai), ou ainda conflitos relacionados à identidade sexual.

Efeitos do estresse na mulher

Estresse em excesso pode levar à alteração e em alguns casos a interrompimento do ciclo menstrual, atrapalhando completamente os níveis hormonais e dificultando o sucesso do tratamento.

Efeitos do estresse no homem

No homem, o estresse leva à redução da quantidade de esperma e de volume do sêmen. O excesso de ansiedade muitas vezes pode resultar em falta de libido e de ereção.

No auge do estresse, o indivíduo também pode sentir palpitações, dores musculares, sensação de falta de ar, tontura, suor excessivo, extremidades frias e fadiga intensa, o que muitas vezes acarreta uma crise entre os companheiros.

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro.

Deixe uma resposta

Mensagem