Um estudo de revisão publicado recentemente na Cochrane Library, uma organização acadêmica independente que analisa evidências advindas de trabalhos científicos de todo o mundo, concluiu que a tomada de substâncias e vitaminas antioxidantes não melhora o potencial de fertilidade das mulheres subferteis.

É muito comum que o casal que está tentando engravidar questione seu médico acerca do uso de suplementos alimentares e vitaminas. Existe uma tendência natural a achar que o uso destas substâncias pode melhorar a fertilidade do casal, e muitos fazem uso delas mesmo sem orientação médica para tal.

Algumas evidências científicas apontam que o uso de algumas vitaminas ou substâncias antioxidantes por homens subferteis, ou seja, com alteração do espermograma, poderia melhorar o potencial de fertilidade e reduzir o dano ao DNA (material genético) do espermatozoide, como já foi discutido nesse post.

Entretanto, estas evidências nunca foram completamente determinadas para mulheres. Por isso a importância deste estudo atual.

O que são os antioxidantes?

O organismo humano realiza centenas de milhares de reações químicas a cada dia. Em algumas destas reações, partículas de substâncias químicas altamente reativas são liberadas – os radicais livres, com poder oxidante de vários tecidos. Estes radicais livres podem trazer uma série de problemas ao organismo, e estão correlacionados ao envelhecimento, doenças degenerativas, e outras doenças.

Na medicina reprodutiva, sabe-se que o aumento de radicais livres nos testículos pode levar a dano ao espermatozoide em sua membrana de revestimento, ou ainda no seu DNA.

Os antioxidantes são, portanto, substâncias que anulam os efeitos deletérios dos radicais livres no organismo. Algumas vitaminas como a C e a E podem ter este efeito, assim como o folato, o zinco e os carotenoides.

Como foi realizado o estudo?

O estudo consistiu em um meta-análise de 28 estudos científicos, envolvendo 3.548 mulheres. Nestes estudos as mulheres de casais subferteis foram comparadas em dois grupos: aquelas que ingeriam algum tipo de substância antioxidante, isoladamente ou em combinação, e aquelas que usavam apenas placebo (medicamento de pesquisa sem nenhum efeito farmacológico), ou que não ingeriam qualquer suplemento.

Os casais incluídos estavam tentando engravidar naturalmente há mais de um ano sem sucesso.

As principais substâncias utilizadas pelas participantes nos diversos estudos analisados foram a vitamina C, vitamina E, pentoxifilina, N-acetil-cisteína, melatonina, L-arginina, mio-inositol, vitamina D, cálcio, e omega-3.

Quais foram as conclusões do estudo?

A conclusão principal foi de que o uso dos antioxidantes não estava relacionado a aumento na taxa de gravidez, em comparação às mulheres que não utilizaram aquelas substâncias.

Também não houve aumento dos riscos gestacionais em mulheres que usavam antioxidantes. Ou seja, seu uso não levou a aumento de perdas gravídicas ou abortos.

A única substância cuja utilização se correlacionou a um aumento da taxa de gravidez foi a pentoxifilina (um vasodilatador). Porém apenas três estudos científicos relataram uso desta substância específica. Portanto, as evidências ainda pode se modificar com estudos futuros.

A pesquisadora chefe da universidade de Auckland, Marian Showell, resumiu o achado: “Não há evidência nesta revisão que sugira que a tomada de antioxidantes seja benéfica para pacientes que estão tentando engravidar. Devemos ressaltar que os estudos clínicos incluídos na meta-análise mostram dados muito heterogêneos, já que existe grande variação no tipo de antioxidante, além da dose e duração de uso.”

A Dra. Wendy Vitek, pesquisadora em infertilidade da universidade de Rochester, completou: “Eu não acho os resultados surpreendentes já que não há qualquer guideline ou organização de especialistas em reprodução que recomendem o uso rotineiro de suplementos antioxidantes para melhorar a fertilidade”

Esperamos que tenham tido uma ótima leitura. Até a próxima semana. E não deixe de curtir a nossa página no Facebook, seguir @medreprodutiva no Twitter e se inscrever em nosso canal no Youtube.

15 Comentários para “Antioxidantes não melhoram a fertilidade das mulheres”

  1. Caroline Lisboa disse:

    Olá dr. Fábio! Há algum prejuízo para fertilidade( gravidez natural) do uso de melatonina 1 mg para tratamento de insônia?

  2. fabioeugenio disse:

    Oi Caroline,

    Não há relatos científicos de prejuízos à fertilidade com a melatonina.

    Abs,

    Dr. Fábio Eugênio

  3. Ana disse:

    Boa tarde,
    O meu marido toma um medicamento que contem oxandrolona. Pode ser prejudicial para fiv? Até aqui o espermograma tem sido normal.

  4. fabioeugenio disse:

    Oi Ana,

    Se o espermograma está normal, não há problema para a FIV. Mas como é um esteróide anabolizante, pode causar outros problemas ã saúde dele.

    Abs,

    Dr. Fábio Eugênio

  5. paula disse:

    discordo disso.. os antioxidantes ajudam sim.. fortalecem o corpo no geral o que consequentemente pode levar a gravidez… acredito que qualquer ajuda que nao prejudique é válida

  6. fabioeugenio disse:

    Oi Paula,

    Falta somente os estudos científicos comprovarem esta hipótese…

    Abs,

    Dr. Fábio Eugênio

  7. Diva disse:

    Eu também discordo totalmente, participo de um site na internert com mulheres com mais de 40 anos, que ao ingerir suplementos e vitaminas como: coenzima Q-10, DHEA, Vit.D, zinco, óleo de prímula, e comer mais saldável, conseguiram engravidar, até as que não acreditavam estão surpresas com a melhora dos óvulos. Vai demorar muito para o Ocidente cair na real, que somos o que comemos, é claro também aliado a exercícios físicos e uma vida sem stress.

  8. fabioeugenio disse:

    Oi Diva,

    Pode ter fundamento, mas somente podemos recomendar o que os estudos científicos concluiram.

    Abs,

    Dr. Fábio Eugênio

  9. Olá!
    Estou na menopausa ;sou ligada!
    Tenho chance de engravida?

  10. fabioeugenio disse:

    Oi Renata,

    Há possibilidade sim, através da FIV com óvulo-doação.

    Abs,

    Dr. Fábio Eugênio

  11. Thais disse:

    Olá! Estou com hipótese de ovários micropolicistico, e quero Engravidar, qual o tratamento adequado pra isso?

  12. Thais disse:

    Olá! Estou com hipótese de ovários micropolicistico, e quero Engravidar, qual o tratamento adequado pra isso? Tenho chance de engravidar ?

  13. fabioeugenio disse:

    Oi Thaís,

    Tem ótimas chances de engravidar. Pode ser necessária indução de ovulação, mas veja com seu médico.

    Abs,

    Dr. Fábio Eugênio

  14. Luciana disse:

    Olá Já estou no quarto tratamento de FIV, sendo que tive um positivo no 1o que não evoluiu e uma gravidez natural após o segundo tratamento sem sucesso. Após o uso de melatonina 3 mg uma vez ao dia, comecei um quarto tratamento em que a resposta dos foliculos e endométrio foi muito melhor: de 7 folículos ao todo (média nos 3 primeiros tratamentos) para 16 folículos (sendo 13 de tamanho muito bom). Essa melhora do quadro no tratamento reprodutivo pode ter relação com o uso da melatonina, tendo em vista que nos outros tratamentos eu já consumia L – Arginina, Co Enzima Q10, Omega 3, Vitamina C e D. Aguardo o retorno. Luciana

  15. fabioeugenio disse:

    Oi Luciana,

    Difícil determinar pois não há estudos definitivos sobre esta substância na FIV.

    Abs,

    Dr. Fábio Eugênio

Deixe uma resposta

Mensagem